jun 11 2003

Desejo

Teus lábios me convidam,
suculentos, deliciosos
Teus olhos me instigam,
indecorosos, lacivos.

Teu beijo doce,
nada mais do que um desejo
seria somente um porto
para um tormento sem fim

Teus lábios contra os meus,
alimentando meu desejo,
torturando minha alma.

Queima, queima, queima,
sorve meu calor
me arrasta para tua escuridão.

cotação: estou valendo 1/7

› Continue lendo