Final de Semana

Não há do que reclamar. Sabe, a minha irmã casou no sábado a noite e a festa estava decente (para uma festa de casamento, claro) além do que eu tive que participar como testemunha da união. Eu fiquei feliz por ela, claro; porque ela tem um rumo e está perseverante em trilhá-lo.
Eu também visitei alguns amigos na casa do Antônio e estamos planejando uma nova campanha de RPG baseada nas histórias que construímos na campanha anterior. Vai ser bom jogar novamente. Julie quer jogar conosco e isto foi o que me deu a inspiração.
Ganhamos um final de semana juntos; e eu não poderia esperar mais… ela fez com que dois dias ao seu lado parecessem um paraíso.

Mas a Semana Começou…
E as más notícias já estão chegando. Tenho amigos stressados e pouco pacientes e outros decepcionados e necessitando de apoio. Eu gostaria de estar ao lado de todos, mas mesmo que eu pudesse, que diferença isto faria?
E, apesar do que eu escrevi na sexta-feira, eu não me considero intolerante ou preconceituoso. Eu não culpo as pessoas pelas escolhas que fazem (ou mesmo as julgo por isto), mas eu realmente abomino a banalidade a que as palavras “amizade” e “amor” foram submetidas.
Mas acho que mudei, e já não faço tudo o que digo. E eu me arrependo disto, de perder uma certa sinceridade e boa vontade que outrora eu possuía. Quero culpar algo por isto, mas acho que só posso conservar (ou restaurar) o que eu era mantendo-me longe deste mundo concreto e prático


Deixar uma Resposta